Confira todos os detalhes da transmissão do Nintendo Switch Presentation 2017

Em apresentação histórica, Nintendo apresenta todas as funções, primeiros jogos, preço e data de lançamento do Switch

[RETROSPECTIVA] O que aconteceu no final de 2016

Finalmente em 2017, vamos conferir o que movimentou o mercado dos games nos últimos dias de 2016

[CORRENTE DOS SETE JOGOS] Episódio 10

No episódio de hoje (12), vamos conhecer as preferências do leitor nishi22 no mundo dos games

Nintendo apresentará o Switch ao vivo no dia 12 de janeiro

Evento especial ocorrerá no Japão e será transmitido online pela Big N

[CORRENTE DOS SETE JOGOS] Episódio 9

No segundo episódio em sequência, confira as respostas do leitor Victor

terça-feira, 24 de janeiro de 2017

[CURTAS] Saiba Quantas Telas Do Switch a Nintendo Já Encomendou

Oi, pessoal, tudo bem?
As pré-vendas do Switch já esgotaram em diversas lojas dos Estados Unidos, e a Nintendo está comprometida a entregar dois milhões de unidades do aparelho até seu lançamento, em 3 de março, mas será que a gigante de Kyoto possui um estoque reserva para o caso de a quantidade anunciada não der conta da demanda inicial pelo console híbrido? Ao que indica um dado revelados pela Japan Display Inc., a companhia responsável pela fabricação e fornecimento das telas do Switch, sim.

A Japan Display Inc. informou que três milhões de telas do videogame da nona geração compõem o primeiro lote encomendado pela Big N, ou seja, esta terá mais um milhão de unidades do Switch prontas para serem enviadas às lojas assim que observar que a procura inicial pelo aparelho está maior do que esperava. Ainda segundo a Japan Display Inc., é preciso entregar à Nintendo mais de 10 milhões de telas do próximo console desta até o final de 2017.
Até mais!
                                                                                 
Via A Casa do Cogumelo

segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

[CURTAS] DFC Intelligence Estima Que o Switch Venderá Mais De 40 Milhões De Unidades Até 2020

Oi, pessoal, tudo bem?
A empresa de análise de mercado DFC Intelligence resolveu fazer uma projeção de quantas unidades do Switch serão vendidas até 2020, e se o que encontrou estiver certo, o console da Nintendo que chegará às lojas no dia 3 de março de 2017 venderá em três anos, mais que o triplo do que o Wii U vendeu em quatro - 13 milhões de unidades. De acordo com a estimativa, mais de 40 milhões de consoles Switch serão comprados até o primeiro ano da próxima década de 20!

Apesar de o número estimado ser bem grande, a DFC Intelligence disse que foi "conservadora" ao fazer a previsão. A empresa afirmou ainda que, para chegar no resultado supracitado, considerou problemas que o Switch poderá ter de enfrentar, como o estoque limitado, a escassez de jogos no lançamento e falta de atenção na temporada de vendas natalinas deste ano. A DFC Intelligence ressaltou que o videogame da nona geração será fortemente procurado, mas terá como principal desafio atrair o público que está em maioria no mercado de games. Leia a seguir um trecho da declaração do fundador e CEO da companhia estadunidense, David Cole:

O Switch é uma interessante peça de hardware, que tem potencial para chegar a um mercado muito amplo. No entanto, considerando a limitada oferta de software e o histórico recente da Nintendo na introdução de novos produtos, fomos conservadores nas nossas previsões.

Até mais!
                                                                                 

[CURTAS] Vice-presidente da EA afirma que produtoras third-parties participaram do desenvolvimento do Switch

Apresentado oficialmente ao mundo no último dia 12, e com lançamento previsto para 03 de março, o Switch parece ter todos os atrativos que faltaram ao Wii U, e que foram fundamentais para o alto número de desenvolvedoras third-parties que decidiram apoiar o primeiro console híbrido da história. Uma destas desenvolvedoras é a Eletronic Arts, ou EA Games, que surpreendeu no Nintendo Switch Presentation 2017 ao anunciar um novo título FIFA para o console da Nintendo. Seu vice-presidente, Patrick Söderlund, deu uma entrevista à conceituada revista japonesa Famitsu, onde fez uma declaração bem animadora sobre o relacionamento das third-parties com o Switch.

Segundo Söderlund, as desenvolvedoras third-parties tiveram uma importante participação no desenvolvimento do Switch, através de consultas constantes por parte da Nintendo, o que pode resultar em uma ampla biblioteca de jogos de qualidade e que atraiam os jogadores que se afastaram da Big N devido ao marketing pouco eficiente do Wii U.

Confira a declaração completa abaixo:
Eu falei apenas sobre FIFA hoje, mas a estrutura de nossa companhia nos permite lançar todos os tipos de games para todas as plataformas, então nós iremos onde os gamers forem. Eu acho que o Nintendo Switch vai colocar a Nintendo na vanguarda da indústria mais uma vez. Sua abordagem é bem diferente de qualquer coisa que eles fizeram no passado - eles escutaram a EA, Activision e outras companhias desde o começo do desenvolvimento do Switch, então nós estivemos envolvidos através de todo o processo. Eles uniram-se conosco porque queriam garantir que o console será bem-sucedido. Fazer negócios com a Nintendo é muito importante para nós... Gostaríamos de trazer mais e mais games para todos.


Via Reino do Cogumelo.

domingo, 22 de janeiro de 2017

[GAMES] Loja Do My Nintendo Japonês Permite Customizar Os Controles Joy-Con e Suas Correntes De Pulso

Oi, pessoal, tudo bem?
Inaugurada hoje, no Japão, a My Nintendo Store, loja online que vende produtos exclusivos para membros do programa de fidelidade My Nintendo, está realizando a pré-venda do Switch de uma maneira diferente das demais lojas. Ao contrário destas, onde o aparelho pode ser adquirido apenas em um pacote em que vem os controles Joy-Con e suas correntes de pulso na cor cinza, ou em outro com o Joy-Con esquerdo e sua corrente na cor azul, e o Joy-Con direito e sua corrente na cor vermelha, a My Nintendo Store permite ao consumidor customizar tanto os controles (tendo à disposição as cores cinza, vermelha e azul) como suas correntes de pulso (tendo à disposição as cores preta, cinza, vermelha e azul).

(Clique para aumentar)

No Japão, o Switch possui preço sugerido de 29.980 ienes. Você que não mora no país, mas gostaria de desfrutar da customização oferecida pela My Nintendo Store, lembre-se que o console não possui trava de região. Aliás, adquirir o Switch garante 300 Gold Points no My Nintendo.
Até mais!
                                                                                 
Via Reino do Cogumelo e A Casa do Cogumelo

[GAMES] Forte sequência de lançamentos coloca Sony à frente da Nintendo no Japão; 3DS cai para 2º e Wii U é 4º

Empenhada em garantir a melhor experiência aos futuros donos de um Switch, a Nintendo não programou nenhum grande lançamento para este início de ano, ao contrário de sua grande rival Sony. O resultado foi que o Nintendo 3DS se viu superado novamente pelo Playstation 4, embalado por dois novos jogos que ocuparam a parte da frente do mais novo ranking de vendas do Japão. Com o Switch já sendo uma realidade após a histórica apresentação do dia 13, o Wii U registrou seu pior desempenho, sofrendo para vender mais de mil unidades.

O jogo mais vendido da semana foi Kingdom Hearts HD II.8 Final Chapter Prologue, para PS4, que estreou com um bom ritmo. Logo atrás aparece New Danganronpa V3, em versões para PSVita e PS4. Somente na quarta posição aparece o fenômeno Pokémon Sun & Moon, que mesmo ficando para trás nesta semana, já atingiu a grande marca de três milhões de cópias vendidas. No agregado semanal, a Sony virou a disputa, sendo representada por 12 títulos, contra oito da Big N (sete para 3DS e apenas um para Wii U).

Confira os 20 jogos mais vendidos no Japão, na semana entre os dias 09 e 15 de janeiro:

  1. Kingdom Hearts HD II.8 Final Chapter Prologue (PS4) – 137.797 / NOVO
  2. New Danganronpa V3 (PSVita) – 76.166 / NOVO
  3. New Danganronpa V3 (PS4) – 40.006 / NOVO
  4. Pokémon Sun & Moon (3DS) – 31.656 / 3.071.241
  5. Super Mario Maker for 3DS (3DS) – 23.845 / 914.683
  6. Yokai Watch 3: Sukiyaki (3DS) – 23.192 / 608.398
  7. Momotaro Dentetsu 2017: Tachiagare Nippon!! (3DS) – 16.734 / 261.089
  8. Grand Theft Auto V (4,990 Yen Edition) (PS4) – 10.066 / 245.418
  9. Final Fantasy XV (PS4) – 10.004 / 917.772
  10. Minecraft: PlayStation Vita Edition (PSVita) – 8.890 / 1.083.384
  11. SG/ZH: School Girl/Zombie Hunter (PS4) – 8.439 / NOVO
  12. Miitopia (3DS) – 7.334 / 152.172
  13. Animal Crossing: New Leaf – Welcome amiibo (3DS) – 6.410 / 107.764
  14. Valkyrie Drive: Bhikkhuni – Bikini Party Edition (PSVita) – 5.078 / NOVO
  15. Yakuza 6 (PS4) – 5.064 / 331.388
  16. Minecraft: Wii U Edition (Wii U) – 4.940 / 275.984
  17. Watch Dogs 2 (PS4) – 4.656 / 102.611
  18. Battlefield 1 (PS4) – 4.647 / 249.053
  19. Jikkyou Powerful Pro Baseball Heroes (3DS) – 3.714 / 77.274
  20. Resident Evil 6 (PS4) – 3.272 / 28.196

Agora, os consoles mais vendidos no mesmo período:

  1. PS4 - 47.003 / 4.234.839
  2. 3DS - 34.546 / 22.284.169
  3. PSVita - 13.816 / 5.490.906
  4. Wii U - 1.169 / 3.317.526
  5. PS3 - 701 / 10.451.625
  6. Xbox One - 75 / 75.839


Via Reino do Cogumelo.

sábado, 21 de janeiro de 2017

[GAMES] Nos Estados Unidos, NES Classic Edition Vendeu Quase Meio Milhão De Unidades Em 2016

Oi, pessoal, tudo bem?
O NPD Group divulgou os números referentes às vendas do NES Classic Edition nos Estados Unidos em 2016. Os resultados são animadores, mas, obviamente, poderiam ter sido bem melhores se a Nintendo não tivesse subestimado a demanda pelo aparelho e enviado um estoque insuficiente para as lojas estadunidenses, o que irritou consumidores, entre eles dois famosos que criticaram a empresa no Twitter.

De acordo com o instituto, o console retrô que chegou às lojas no dia 11 de novembro do ano passado vendeu 196 mil unidades na "Terra do Tio Sam" em novembro, e quatorze por cento a mais (ou seja, 223 mil unidades) no mês de dezembro, totalizando 419 mil unidades vendidas.
Você já adquiriu o seu NES Classic Edition, leitor(a)?
Até mais!
                                                                                 

sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

[GAMES] Nintendo revela mais detalhes das configurações do Switch; confira

A histórica apresentação do Switch na semana passada nos apresentou a um dos consoles mais aguardados de todos os tempos, eliminando muitas das dúvidas que ainda tinhamos sobre o aparelho. No entanto, poucas configurações operacionais do console foram mostradas no evento, levantando mais uma série de interrogações à mente dos jogadores. Sabendo disso, e "brincando com a sorte", o site japonês Kotaku enviou para a Nintendo um questionário sobre esses detalhes não revelados na apresentação do dia 13.

Questões sobre retrocompatibilidade, presença (ou não) dos Miis, devido a ausência do Miiverse e serviços de streaming foram alguns dos pontos levantados pelo Kotaku, e prontamente respondidos pela Nintendo. As informações reveladas podem ser conferidas a seguir:

  • O Switch não vai aceitar jogos de consoles anteriores da Nintendo;
  • Inicialmente, o Switch só aceitará os próprios controles, mas a Nintendo sinalizou a intenção de permitir a retrocompatibilidade com alguns controles antigos através de atualizações no futuro;
  • O Switch não oferece suporte a armazenamento de dados através de HDs externos;
  • Os arquivos de save dos jogos serão armazenados nos 32GB de memória interna do console;
  • Jogos digitais, atualizações e DLCs podem ser armazenados em cartões Micro SDXC com capacidade de impressionantes 2TB;
  • Inicialmente, o botão de captura do Joy-con esquerdo do Switch permite apenas a captura de imagens, mas que futuramente poderão gravar vídeos também;
  • O Miiverse não estará presente no Switch, mas a ferramenta de criação de Miis (o Mii Maker) estará disponível, no menu de configurações do sistema ou na tela do perfil do jogador. O modo de criação é semelhante ao do Wii e do Wii U;
  • Não será obrigatório o uso de Miis para representar os perfis dos jogadores, isto será opcional. Uma ampla seleção de imagens está disponível para quem não quiser usar os Miis;
  • Os Miis criados podem ser utilizados nos jogos a critério dos desenvolvedores;
  • Será possível a transferência de Miis entre dois ou mais consoles Switch, através da comunicação wi-fi local. Para a transferência envolvendo o Wii U ou portáteis da família 3DS, as figuras amiibo poderão ser usadas para enviar e receber os dados;
  • A criação de Miis no Switch terá mais opções de personalização, como cor de pele e de cabelo e detalhes faciais. Alguns detalhes da criação foram removidos, tais como nome do criador, favoritos, aniversário, copiar e público;
  • Inicialmente, o Switch não terá suporte a serviços de streaming, como Netflix, mas a Nintendo já sinalizou a intenção de implementá-los através de atualizações futuras;
  • O Switch não tem trava de região, porém os usuários só terão acesso à eShop correspondente a sua localização, informada em sua Conta Nintendo (EX: conta americana, eShop americana);
  • A Nintendo recomenda que os jogadores comprem e baixem apenas jogos lançados em suas respectivas regiões, a fim de usufruirem de serviços e suporte de maneira completa;
  • Cada console Switch poderá hospedar até oito contas de usuário;

O Switch será lançado nos principais mercados no dia 03 de março. Embora conte com títulos de lançamento como The Legend of Zelda: Breath of the Wild e 1-2 Switch, estes deverão ser adquiridos separadamente.


Via Reino do Cogumelo.